quarta-feira, 29 de maio de 2013

Confrontando o espírito de Jezabel, no perigo de sedução da falsa doutrina – 2

Recapitulando o texto da semana passada, entendemos que somos seduzidos segundo a falha do nosso caráter. Temos a tendência de procurar um molde espiritual que se adeque a nós e ao estilo de vida que procuramos ter, nos afastando do molde divino – Jesus. Damos ouvidos a evangelhos mascarados de verdade, que são erigidos, como belos edifícios, sobre os escombros de pecados que amontoamos sem tratamento adequado e completa libertação. Os pecados secretos tornam-se tendenciosos e nossos filhos passam a refletir nossos erros, num ciclo-vicioso. A Palavra de Deus nos garante que aquele a quem o Filho de Deus, Jesus Cristo, libertar - será livre. Mas, e quando a pessoa pensa estar liberta e acaba tropeçando nos mesmos erros de outrora? Isto acontece, porque toda mudança deve acontecer nos padrões divinos e não segundo a imaginação. O jeitinho brasileiro não funciona neste caso, pois Deus não faz barganhas e o diabo não brinca de ser diabo. Ele é cuel.

: “Assim diz o Senhor: Ponde-vos nos caminhos e vede, perguntai pelas veredas antigas, qual é o bom caminho; andai por ele, e achareis descanso para a vossa alma, mas eles disseram: Não andaremos”. Jeremias 6:16 

O rei Acabe, tinha uma forte tendência ao pecado. Seu coração era mau e cobiçoso. E a última coisa que ele precisava era de uma Jezabel ao lado e na vida dele. Ela soube massagear o seu ego na cobiça as terras de Nabote, invertendo a situação. Você é o rei, portanto o reino lhe pertence; não é você que governa a Israel? Aquela vinha, (que é herança de família) está em seu direito, possuí-la. Alegre-se, seja feliz, eu darei a você o desejo do seu coração (mesmo que seja pelo crime). Até hoje, o espírito de Jezabel, arranja jeitinhos, para deixar a nossa velha alma decaída pela queda ser a parte predominante em nós, pois houve ruptura entre a alma e o espírito que caminhavam em perfeita harmonia antes do pecado, produzindo equilíbrio perfeito para o corpo. Ela diz: Você é sacerdócio real e precisa viver como tal, não importando os meios; determine e será seu, os propósitos divinos para a sua vida se adequarão; ore por justiça, pois a misericórdia é para os fracos...

A Palavra de Deus nos ensina a conquistar e a possuir o que é nosso, mas nunca por meios ilícitos. A benção de Deus, nunca vai acompanhada de manchas ou tropeços. “A benção do Senhor enriquece e não acrescenta dores”. Provérbios 10:22 - Muitos usam meios errados e conseguem algum benefício que é enxergado meramente pela ótica humana. Usam a Palavra de Deus como rótulo para consolidação dos desejos carnais, e ainda fazem você pensar que é Deus quem está realizando o objeto deste desejo. Tais desejos são formulados, fora da vontade de Deus, na prática de quem busca andar em caminhos opostos a Ele. Não buscam entender o verdadeiro propósito divino e ainda culpam a Deus por seus erros, desgraças e seus desencontros com a vida. A falsa doutrina te mostra um mapa da mina, mas não te diz o quanto de comprometimento e nunca te alerta para as armadilhas de suas propostas. Ela não te informa a que preço vai te oferecer as falsas regalias.

Há tempos atrás um cristão estava sendo perturbado por uma pessoa, não porque tivesse em falta com ela, mas por pura implicância e recebia ligações desaforadas a qualquer hora, proferindo maldições e pressão psicológica; quando alguém deu uma “brilhante” sugestão: vou orar para que ela se esborrache na ponte, nós somos servos do Deus vivo e ele fará justiça. Totalmente errado. Ora, maldição sem causa não pega, então quem está em posição de autoridade precisa abençoar, mesmo aparentemente sofrendo dolo. O símbolo da justiça é uma balança com dois pratos e quando você pede a justiça de Deus referindo-se a alguém, o que ocorre é que a pessoa vai para um dos pratos, mas no outro estará você, ambas sendo pesadas pela justiça de Deus. Então, como Deus é justo juiz e não aceita suborno, vai julgar com imparcialidade e talvez quem que se julgava injustiçado aos seus próprios olhos, pode vir a ser condenado. Por isso a doutrina de Cristo, nos ensina a perdoar, abençoar e a ter misericórdia, pois só quem perdoa, é perdoado por Deus.

De acordo com apocalipse 2:26, “E ao que vencer, e guardar até ao fim as minhas obras, eu lhe darei poder sobre as nações”. A única forma de se obter autoridade e domínio sobre as nações (espiritualmente falando) é neutralizando o espírito de Jezabel, deixando de tolerá-lo no seio da igreja e da nossa família.

Uma das funções do profeta é denunciar o pecado no meio do povo. Jezabel trabalha arduamente para calar a boca dos profetas. Ela odeia profecia e qualquer mensagem que venha da boca de Deus para a sua igreja. A maior das profecias é na Bíblia que, fechada é um livro, mas aberta é a voz de Deus falando, direcionando o caminho. Ela é histórica e atual. Mas, há quem diga que ela foi mexida e remexida, palavras foram mudadas, então não se pode crer em tudo que ela diz... Mas, a verdade que conduz a Deus ninguém consegue mudar. 

Um dos testemunhos mais belos que ouvi desta Santa Palavra foi a respeito de um homem que morava em um país onde é proibido ter e ler determinado tipo de literatura; a mando do governo foi empilhado um monte de livros, e incinerados. Este homem, que atentamente observava a cena, ficou ali até a chama baixar, aproximou-se e viu um livro que não queimava como os demais e disse consigo: Um livro que não queima, deve ser santo. Então com uma vara, retirou a Bíblia das chamas, levou para sua casa, leu e se converteu a Jesus Cristo. E nós cristãos ocidentais, que professamos a fé há anos e experimentamos a liberdade de servir a Deus, temos rejeitado a palavra ou cremos em parte, porque nos deixamos levar pelo engano. Ora, se um livro que foi alterado impacta ao ponto de transformar a vida de uma pessoa de forma tão grandiosa, então a verdade contida nele não morre, jamais. É atualíssima e eficaz.

Jezabel também alça sua voz contra profecias no seio da igreja, dizendo que isto era para a antiguidade; que Deus emudeceu a voz para tratos pessoais e gerais... Mas, não foi assim que eu aprendi. E prefiro trilhar esta vereda antiga. Quem é da minha geração, alcançou a glória de Deus manifesta e o temor da igreja nos cultos de ceia em Madureira, RJ, quando o Senhor falava. O povo contrito adorava com temor ao Senhor. Hoje, o evangelho moderno criou um povo sínico, que não teme a Deus, pois não foi ensinado a ama-lo acima de todas as coisas e a temê-lo. Portanto é um povo rebelde; por vezes, intratável, irrecuperável.

Jeremias foi um profeta contundente com o pecado do povo em sua geração. Ele sofreu as consequências de falar a verdade, mas cumpriu a sua missão e teve e consciência do dever cumprido. Jeremias 7: 23 e 24 - Os falsos profetas são aqueles que só profetizam coisa boa. Arranjam profecias encomendadas para massagear o ego, pois a doutrina de Jezabel diz que Deus não envergonha a ninguém. Enchem o povo de vãs esperanças no que é efêmero, nunca buscando o processo de santificação; agem de modo louco nos púlpitos como se pudessem fazer de Deus um marionete. Falsos profetas fazem pesquisa da vida de outras pessoas para profetizar usando o nome de Deus... Particularmente eu conheço grandes homens e mulheres que são confiáveis e louvo ao Senhor por sua vida. A profecia nunca pode estar em desacordo com a Palavra.

As ameaças de jezabel deixaram o profeta Elias temeroso por sua vida e mesmo após matar os falsos profetas de Baal e Astarote, fugiu e se enfurnou em uma caverna. Imagino o pavor que ele deve ter sentido e a hoste que foi enviada para atormentá-lo naquele lugar. Mas, o Senhor o visitou, mandando-o sair, pois com ele havia mais sete mil que não dobraram os seus joelhos a Baal e a qualquer outra divindade. Um povo forte que não se dobra aos caprichos de Jezabel.

Porque alguns cristãos caem num engano como este? Negam a Jesus e a Palavra VIVA. Negam o Espírito Santo, que convence o homem do pecado, do juízo e da justiça; não com seus lábios, mas com suas atitudes, que acaba dando no mesmo. Não param para examinar a si mesmos, não anseiam retornar dos caminhos tortos; antes preferem arranjar justificativas para um pecado de estimação, do qual não querem se livrar. Tenho vivido um período de reciclagem da Denise interior, pedindo a Deus que me mostre quem realmente sou e que me ajude a mudar o que for necessário. E tenho me descoberto uma pessoa diferente do que sempre pensei ser. Deus é especialista em nos fazer enxergar dentro, o micro; que na verdade é o macro no universo interior. Eu tenho consciência da grande responsabilidade que tenho em escrever assuntos como este a vocês. Esta série atinge primeiro a mim e está sendo particularmente árdua, porém gratificante a mudança que estou sofrendo. Quando o homem ou a mulher se deforma em alguma área, é difícil retornar a vereda antiga, mas é imprescindível se quisermos ter o título de cidadãos do Reino, para desfrutar a dignidade do Deus a quem amamos e servimos.

Deus nos abençoe.

Denise Passos


9 comentários:

  1. DENISE HOJE RELI O COMENTARIO QUE VC ESCREVEU A CERCA DE JEZABEL ACABE E ELIAS
    FIQUEI MUITO SDURPRESO COM A CONSTATAÇÃO QUE EU REALMENTE PELAS MINHAS FACULDADES MENTAIS JULGUEI ERRONEAMENTE QUE ERA O UNICO RESPONSAVEL PELA MINHA EVOLUÇÃO. LEDO ENGANO..
    EU PRESUMI QUE TINHA TOTAL LIBERDADE SOBRE O DESTIMNO DADO AO MEU CORPO.. ESTAVA TOTALMENTE ENGANADO.. NAO FUI EU QUE ME INVENTEI..
    QUE INTERESSSANTE NUNCA TINHA VISTO SOB ESTE PRISMA..
    EU NUNCA DEIXEI DE ME MANDARNUNCA DISSE EIS ME AQUI ENVIA ME A MIM.. EU VOU PENSAVA EU ONDE QUISER.. NAO E BEM ASSIM. SO CHEGUEI A ESTA CONCLUSAO HOJE.. GENTE EU SOU ATALAIA VASO DE PODER E NAO SOU DIRIGIDO POR MIM MAS SIM PELO ESPIRITO SANTO... SO QUE EU NUNCA PERMITI ISTO..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jorge, que bom, você ter a oportunidade de se arrepender de um percurso errado, dar meia volta e retornar ao caminho que o Senhor tracou pra vc... Feliz por isso. Deus te abencoe.

      Excluir
  2. Muito bom, já havia muito tempo que não li artigos tao edificante, que Deus continue te usando.

    ResponderExcluir
  3. Excelente! Bastante conteúdo teológico e assunto descrito com muita propriedade. Parabéns, meu amor. Vc é uma escritora nata e cheia da unção de Deus. Continue assim e em breve estará lançando um livro. I love you. Deus abençoe. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho e incentivo... Tenho muito a agradecer ao Senhor pelo que está fazendo e por tudo que fará em nossa vida. A Ele a glória... Toda capacidade dem dEle. Love you too. Bjs.

      Excluir
  4. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Antônio.
      Esta é uma série que realizamos em nossa igreja. Leia os artigos anteriores para acompanhar o pensamento completo.
      Vou visitar assim que tiver oportunidade.
      Deus o abencoe.

      Excluir

  5. Parabéns pelo Blog. Deus ti abençoe.
    Convido a participar do novo Agregador Blogospel, onde reunimos blogs evangélicos, com os melhores conteúdos gospel e relevantes para o povo de Deus.
    Aumente o tráfego do seu blog E EDIFIQUE MAIS VIDAS!
    Não precisa cadastrar, é rápido e prático! Apenas seja parceiro colocando nosso banner na sua página e pronto, já pode enviar seus links.
    Acesse e conheça: http://semeandojesuscristo.blogspot.com.br
    Sua parceria é muito importante.
    Juntos crescemos mais.
    Graça e paz!

    ResponderExcluir